Arquiteta Carmem Avila incluiu área gourmet com churrasqueira, piscina e um frondoso jardim nos fundos do terreno do sobrado

Quando os proprietários adquiriram esta residência de 300 m², em São Paulo, pensaram em demolir o imóvel de 1956 e reconstruí-lo. Mas a arquiteta Carmem Avila, do escritório Carmem Avila Arquitetura, enxergou o potencial da casa e os convenceu a resolver os principais inconvenientes com uma reforma radical, que integrou as áreas internas e aproveitou ao máximo a estrutura existente.

“A área externa serviu para conectar os dois níveis da casa e resgatou a relação dela com os jardins”, conta a arquiteta. Para isso, o terraço de concreto aparente interligou o pavimento térreo ao inferior, que ao ser ocupado com área gourmet, sala de jogos e piscina, virou o templo de lazer da família. Após cálculos estruturais, a varanda surgiu para conectar o térreo ao jardim. Carmem projetou uma laje de concreto maciço e optou por um guarda-corpo de inox e vidro pronto. “O modelo modular, com um sistema padronizado de parafusos e braçadeiras metálicas, custou quase a metade do preço de um feito sob medida”, explica Carmem. Leia+Mais→